Publicidade

Notícias de Última Hora

Bolsonaro pediu para Brasil não sediar Conferência do Clima da ONU


O Brasil não sediará mais a Conferência do Clima da Organização das Nações Unidas (ONU) em 2019.


Jair Bolsonaro afirmou nesta quarta-feira (28) que recomendou ao futuro ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, que não fosse realizada no ano que vem no Brasil a Conferência do Clima da Organização das Nações Unidas (ONU), a COP 25.


Em entrevista coletiva, o presidente eleito declarou:

Houve participação minha nessa decisão. Nosso futuro ministro, eu recomendei para que evitasse a realização desse evento aqui no Brasil.

A informação sobre o cancelamento da realização da Conferência da ONU foi confirmada em nota enviada pelo Itamaraty.

Restrições orçamentárias e transição de governo foram as justificativas oferecidas pelo Ministério das Relações Exteriores do Brasil para explicar a desistência de sediar a COP 25.

A Conferência do Clima da ONU discute mudanças climáticas no mundo e como as nações podem trabalhar para melhorar as condições do clima.

O encontro estava marcado para ser realizado em novembro de 2019 no Brasil.


Com informações do G1