Notícias de Última Hora

Angela Merkel culpa Bolsonaro por acordo parado desde 2017


As ordens globalistas que sonham tanto em unificar o mundo sob uma única bandeira multicultural estão em pânico com a ascensão do pensamento conservador em diversos países.


O papo da vez veio da chanceler alemã, Angela Merkel, que decidiu atacar Bolsonaro afirmando que o presidente eleito tornará o tratado mais difícil de ser alcançado.


O acordo comercial, no entanto, está parado desde 2017, e segundo o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, o Mercosul está pronto para o acordo, mas a união Europeia não aceitou.

“O Mercosul e a União Europeia só não têm um acordo, não é porque o Mercosul não quis, é porque a União Europeia não quis” afirmou Maggi, e continuou “O Brasil flexibilizou o que podia flexibilizar… Flexibilizamos até em detrimento do alguns setores aqui internamente”.


O ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, também fez declarações culpando a União Europeia pela dificuldade em fechar o acordo.

“Nós atribuímos enorme importância (ao acordo UE-Mercosul). O ministro (das Relações Exteriores) Aloysio (Nunes) está pessoalmente empenhado na negociação. Tenho acompanhado todos os temas de maneira muito próxima e estamos dando todos os sinais que Brasil tem vontade e disposição de fechar o acordo, mas os dois lados têm que querer” declarou Guardia.


Informação do G1.