Publicidade

Notícias de Última Hora

Bolsonaro elogia ação de PMs que terminou em morte de assaltante no Rio

Reprodução
O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) usou seu perfil no Twitter para elogiar a ação de policiais militares que terminou com a morte de um assaltante que fazia uma mulher refém após o roubo a uma joalheria.


"Parabéns aos Policiais Militares de Valença-RJ que salvaram a senhora de 83 anos feita refém por um bandido covarde, ficando mais de 10 minutos com uma arma apontada para sua cabeça. Belo trabalho! A vida do cidadão de bem sempre deve ser prioridade!", escreveu Bolsonaro, no Twitter.


Nesta quarta-feira (5), um assaltante foi morto por policiais militares após roubar uma joalheria e fazer uma mulher refém em Valença, no interior do Rio de Janeiro.


Imagens da ação mostram o assaltante caminhando com a mulher pela rua, a mantendo sob a mira de uma arma. Num momento em que a mulher tropeça e cai, os policiais aproveitam o descuido do assaltante a atiram contra ele. Baleado, o assaltante morreu no local.


"Apesar dos apelos da equipe para que se rendesse, ele [assaltante] continuou a ameaçar a vida da refém e tentava fugir. A refém tropeçou e um policial teve a visão segura para neutralizar o marginal. Ele foi baleado e morreu no local, e a refém foi liberta ilesa", informou, por nota, a PM.

Um dos filhos de Bolsonaro, o deputado federal reeleito Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), também elogiou a conduta dos agentes. "Aplausos para esse policial. Merece uma medalha, a qualquer momento o criminoso poderia matar a idosa ou o próprio policial", postou no Twitter.


* Com Estadão Conteúdo