AO VIVO

Notícias de Última Hora

Liminar do STF prejudica planos de Calheiros para comandar o Senado

A liminar concedida pelo ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), dificultou os planos do senador Renan Calheiros (MDB-AL) de disputar a presidência da Casa



Marco Aurélio determinou que a eleição para a presidência do Senado ocorra por meio de votação aberta. A disputa pelo controle da Casa acontecerá no dia 1° de fevereiro.

Renan Calheiros classificou a decisão como uma interferência no Poder Legislativo.



O emedebista, que apoiou Fernando Haddad (PT) na eleição presidencial deste ano, é considerado um nome hostil ao futuro governo por aliados do presidente eleito Jair Bolsonaro.

Renan conta com o total apoio da bancada do PT para assumir a presidência do Senado.

Como a próxima legislatura terá um perfil mais fragmentado, a avaliação majoritária no Senado é que o voto aberto vai constranger eleitores de Renan, que é investigado na Lava Jato e visto por todo o Brasil como um representante da “velha política”.


Com informações do Estadão