Notícias de Última Hora

Polícia apreende menores por compartilharem ameaças de ataques à escolas de Itaituba

Menores compartilharam prints de um possível ataque à escola Joaquim Caetano Corrêa (JCC)

Polícia na escola dos estudantes envolvidos
Nesta terça feira (19), uma dupla de menores foi detida pela Polícia Militar após compartilhamento de prints com possíveis ameaças de ataque e invasão à Escola Municipal Joaquim Caetano Corrêa, em Itaituba – Pará.


O ataque seria semelhante ao que aconteceu na Escola Estadual Professor Raul Brasil, em Suzano/SP, na última quarta-feira (13), que deixou ao menos 10 mortos e 11 feridos e que foi feito por dois rapazes durante o intervalo. No horário do crime, só havia estudantes do ensino médio na escola.

Dupla de menores tentou fugir, caiu da moto e foi rendida pelo moto patrulhamento da PM.

Print com conversa dos envolvidos
No print os menores, das iniciais M.A.T.S e B.R.P.S, afirmava que “ia ser o massacre de Itaituba; vacilo dos PM”. Um deles ressaltou “sai daí… eu estudo lá.” A Polícia Militar, através do Grupo Reservado, localizou os dois envolvidos, os quais foram conduzidos para a 19ª Seccional de Polícia Civil para prestarem depoimentos e, em seguida, foram liberados.

De acordo com o Delegado da PC Ricardo, as autoridades Policiais de Itaituba estão atentas e de prontidão para combater este tipo de caso.

Após a circulação de mensagens nas mídias sociais de supostos ataques à Escolas de Itaituba, a Polícia Militar vem reforçando a segurança nas instituições de ensino, resguardando a integridade física de professores e alunos.

Fonte: Blogs Jhonny Notícias e Jean da Garapeira