AO VIVO

Notícias de Última Hora

Trecho da BR-163 deve ser liberado sexta-feira (8)

(Foto: Divulgação)
O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) informou, ontem (6), que o trecho da Rodovia BR-163, no sentido do Porto de Miritituba (PA), deve ser liberado nesta sexta-feira (8). Nos últimos dias, fortes chuvas degradaram o trecho, o que levou o órgão a realizar obras de emergência para garantir o deslocamento dos caminhões que transportam parte da produção agrícola de Mato Grosso. A BR-163 é uma das principais vias de acesso aos portos do chamado Arco Norte, para a exportação de soja e milho.

De acordo com o órgão, o trecho da rodovia, entre as cidades de Moraes Almeida e Novo Progresso, no Pará, está degradado. As ações de reparo da estrada se concentram em dois pontos críticos: na região da Serra da Santinha e na encosta norte da Serra da Anita. O Dnit informou que as obras acontecem em cinco segmentos e que a previsão é que o trabalho na região da Fazenda Sol Nascente, um dos segmentos, seja finalizado nesta quarta-feira (6).

"Os caminhoneiros têm recebido assistência de saúde por meio da equipe médica e de duas ambulâncias. Mais de 700 refeições foram distribuídas e 30 mil litros de água potável foram disponibilizados somente hoje para os caminhoneiros que estão no local", informou o órgão.



Na tarde de ontem (6), o ministro de Infraestrutura, Tarcísio Gomes, se deslocou para a região para vistoriar as obras. "É nossa prioridade número um. Enquanto não temos condições climáticas para trabalhar, estamos resolvendo os pontos críticos, oferecendo alimentação, serviço médico e água aos caminhoneiros”, disse o ministro por meio de uma rede social.

O Dnit informou que a liberação do trânsito, na sexta-feira (8), deve ser logo pela manhã. Os caminhões já descarregados que retornam de Miritituba para Mato Groso serão liberados primeiro. "Após o fim da fila norte, o tráfego será reiniciado pelos veículos que aguardam na direção contrária, ainda carregados, com destino aos portos. No mesmo dia, será liberado o tráfego de caminhões a partir de Guarantã /MT".


A liberação do trânsito e controle do tráfego serão realizados pela Polícia Rodoviária Federal (PRF). Serão utilizados quatro carros com tração, 15 agentes, oito motos e pelo menos dez motociclistas na operação, havendo a possibilidade de reforço.

(Agencia Brasil)