DESTAQUE

JOTA QUEST EM ALTAMITA DIA 30 DE ABRIL!!!

Posted by TV Cidade News on Tuesday, April 16, 2019

Notícias de Última Hora

Bolsonaro sobre demissão de ministro da Educação: faltou expertise em gestão

"Ele é uma pessoa simpática, amável e competente, mas a questão da gestão deixou a desejar", declarou o presidente

Foto: Alan Santos/PR
Em entrevista exclusiva à Jovem Pan, o presidente Jair Bolsonaro comentou, em primeira mão, a demissão de Ricardo Veléz Rodriguez. De acordo com ele, faltou “gestão” e “expertise” ao agora ex-ministro da Educação enquanto esteve à frente da pasta. A íntegra da entrevista irá ao ar nesta segunda-feira (08), às 18h, em ‘Os Pingos nos Is’.


“Basicamente, [faltou] a questão da gestão. O ministro não tinha essa expertise, aí foi acumulando uma série de problemas e, lamentavelmente, chegamos à situação em que tivemos que substituir nosso querido Vélez. É uma pessoa simpática, amável e competente, mas a questão da gestão deixou a desejar”, afirmou o presidente. “A gente não pode continuar sangrando um ministério que é importantíssimo. Eu até disse no começo do mandato sobre a educação. Se buscarmos um ponto de inflexão da educação em 4 anos, já será uma grande vitória nossa, dado o aparelhamento que existe nas instituições.”

O presidente ainda elogiou o novo nome indicado para o cargo, Abraham Weintraub. “Ele é uma pessoa do ramo, professor universitário, sabe gerir essas questões e é mais uma pessoa da minha linha. Conversamos sobre tudo, ele é gabaritado. E todo o primeiro escalão da equipe vai ser indicado por ele.”



Demissão

Bolsonaro anunciou a demissão de Vélez em seu Twitter na manhã desta segunda-feira. Na última sexta-feira (5), o presidente já havia sinalizado uma possível demissão do ministro. Disse que estava “bem claro” que não faltava gestão no ministério. “Vamos tirar a aliança da mão esquerda e pôr na direita. Ninguém mais vai reclamar. Vélez é boa pessoa. Quem vai decidir sou eu”, disse na ocasião.

No mesmo dia, porém, o ministro da Educação negou que deixaria o comando do MEC. “Não vou entregar o cargo”, respondeu ele a jornalistas ao chegar no 18º Fórum Empresarial Lide.

Com informações da Jovem Pan