Notícias de Última Hora

Damares chora na Câmara após petista ironizar abuso sexual

Damares não conteve as lágrimas após a deputada Kokay (PT-DF) citar o caso em que a ministra afirmou que viu Jesus “subir em pé de goiaba”


A ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, chorou nesta quarta-feira (10) na Comissão de Direitos Humanos e Minorias (CDHM) da Câmara dos Deputados.


Em um congresso evangélico anos atrás, Damares revelou que sofreu abusos sexuais na infância, afirmando que aos 10 anos ia se suicidar em um pé de goiaba, mas desistiu ao ver Jesus.


Em um determinado momento da sessão na comissão da Câmara, a deputada petista Érika Kokay ironizou o abuso sofrido por Damares:

“Como é possível, ministra, que nós não tenhamos em pleno funcionamento um órgão como o Conanda? Porque nem todas as meninas vítimas de violência podem ser salvas por um Jesus na goiabeira, nós precisamos de políticas públicas.”

Após a declaração de Kokay, vários deputados reconheceram a ministra como uma “guerreira” por ter superado a violência sexual na infância.

Ao fim do debate, Damares explicou que o conselho está em funcionamento, mas “atrasou em questão dias” as reuniões do grupo de trabalho.


A ministra também disse que não esperava a ironia da deputada:

“Eu não posso me omitir, eu não posso me silenciar, Jesus realmente apareceu no pé de goiaba pra mim. E a forma como a senhora falou em um primeiro momento machucou muito essa ministra. Eu senti que a senhora falou de uma forma irônica, a senhora zombou, mas a senhora não zombou somente de uma menina, zombou de milhares de meninas do Brasil. Quem passou pelo calvário que eu passei sabe o que é sentar no colo de um abusador. E eu esperava, deputada, de todo mundo, menos da senhora que é uma psicóloga.”



Veja abaixo o vídeo em que Damares chora. No momento, o deputado Julian Lemos (PSL-PB) fala sobre o comentário de Kokay:


Com informações do Portal Poder360