Notícias de Última Hora

Maria do Rosário comete crime contra honra de Bolsonaro e pode ser processada


A deputada petista Maria do Rosário recentemente protagonizou o episódio que culminou com a condenação do humorista Danilo Gentili por injúria. No episódio, Gentili protestou contra a censura imposta pela petista, que fez uso da máquina estatal para tentar calar o comediante.

Mas ao que parece, tudo o que vai volta.

A deputada usou o twitter para atacar Bolsonaro e no ato. cometeu crimes contra a honra do Presidente da República, pois usou as palavras “nazista” e “fascista” para identificar Bolsonaro, o que é passível de processo judicial.

Segundo o site JusBrasil, Calúnia consiste em imputar “falsamente fato definido como crime”. Difamação, é o ato de imputar “fato ofensivo à sua reputação”, e para fechar, injúria, significa ofender a “dignidade ou o decoro”.


Segue o tweet da deputada: “Ele não vai ser recebido no Museu e um restaurante se nega a servir um jantar. Ñ tem nem onde ir jantar em NY? Em breve ñ terá lugar no Brasil e no mundo. E as razões são as piores: Bolsonaro é identificado com ideias nazistas e fascistas. Um atraso e um perigo para o Br.”


Fonte: República de Curitiba