PMA - VT EXPOALTA 2019

PMA - VT EXPOALTA 2019 YouTube: https://youtu.be/i_JJWLt3mHk

Posted by TV Cidade News on Thursday, October 10, 2019

Notícias de Última Hora

Temporal deixa três mortos no Rio de Janeiro

Ao menos três pessoas morreram no Rio de Janeiro depois da tempestade que atingiu na noite desta segunda-feira (8)

Divulgação
Três pessoas morreram no Rio de Janeiro depois da tempestade que atingiu a cidade na noite desta segunda-feira (8). Duas delas foram vítimas de um deslizamento de terra no Morro da Babilônia, no Leme, Zona Sul, e uma na Gávea.

Além disso, o temporal alagou ruas, derrubou árvores, destruiu carros e inundou túneis por toda a capital. Desde as 20h55, o município está em estado de crise.


As sirenes de alerta para risco de deslizamento de terra foram acionadas em 21 das 103 comunidades monitoradas pela Defesa Civil Municipal. Mas, segundo moradores, o alarme não chegou a ser acionado no Morro da Babilônia porque estava faltando energia na comunidade no momento do temporal.

De acordo com dados do Alerta Rio, o sistema de monitoramento meteorológico da prefeitura do Rio, o volume de chuva acumulado em apenas quatro horas na noite dessa segunda foi até 70% maior do que o esperado para todo o mês de abril em alguns pontos dessas regiões.

Suspensão das aulas

Na manhã desta terça-feira (9), o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, disse que mais de 5 mil homens estão trabalhando para tentar minimizar os problemas trazidos pela forte chuva. Segundo ele, foi decretado feriado nas escolas.

“Pedimos para que ninguém que não precisa saia nas ruas. As chuvas que caíram são anormais, nenhum de nós esperava um volume desses”, afirmou Crivella em coletiva no Centro de Operações do Rio (COR). Crivella informou ainda que as regiões mais afetadas foram as zonas sul e oeste e que os deslizamentos graves só foram observados no morro da Babilônia, no Leme (zona sul).

Segundo ele, 785 pontos da cidade estão sem luz e algumas das principais vias da cidade foram fechadas por segurança, como a Grajaú-Jacarepaguá e o Alto da Boa Vista, que ligam a zona norte à zona oeste. “Foi uma coisa trágica ontem”, reconheceu o prefeito.

Ciclovia Tim Maia


Mais um trecho da Ciclovia Tim Maia, na Avenida Niemeyer, desabou no temporal. A parte que caiu, deste vez, fica próxima ao bairro de São Conrado.

O desabamento ocorreu por volta das 22h, quando a via já estava fechada. Foi o quarto incidente desse tipo desde a inauguração da ciclovia, em janeiro de 2016. Um deles foi causado por ondas, durante uma ressaca, e três por temporais.


Com informações da Agência Brasil