Notícias de Última Hora

‘Existe uma fissura’, diz Bolsonaro sobre a ditadura Maduro


“Existe a possibilidade de o governo ruir pelo fato de alguns da cúpula passarem para outro lado”, afirmou Bolsonaro.


O presidente da República, Jair Bolsonaro, teve uma reunião na manhã desta quarta-feira (1º) com ministros e comandantes das Forças Armadas na sede do Ministério da Defesa.


O encontro do alto escalão do governo brasileiro teve como objetivo a análise do aprofundamento da crise na Venezuela, no dia seguinte à operação da oposição para derrubar o ditador Nicolás Maduro promovida pelo presidente interino Juan Guaidó.

Falando com repórteres na saída do encontro, Bolsonaro afirmou que, na avaliação dele, não houve “derrota” na tentativa de terça-feira (30) de depor Maduro, liderada pelo presidente da Assembleia Nacional da Venezuela, Juan Guaidó.

O chefe do Executivo afirmou:


“Não tem derrota nenhuma. Eu até elogio, reconheço o espírito patriótico e democrático que ele tem, por lutar por liberdade em seu país.”


Segundo o IG, Bolsonaro também expressou a esperança de que as Forças Armadas abandonem Maduro:

“O informe que temos é que existe uma fissura sim, que cada vez mais se aproxima da cúpula das Forças Armadas. Então, existe a possibilidade de o governo ruir pelo fato de alguns da cúpula passarem para outro lado.”

Com informações do IG