Notícias de Última Hora

Jovem Pan explica afastamento de Marco Antonio Villa


“Vale frisar que o atual governo federal não fez chegar ao Grupo Jovem Pan qualquer crítica ao desempenho dos nossos profissionais”, esclareceu a rádio.


Em meio aos rumores sobre os motivos da suspensão de 30 dias sofrida pelo historiador Marco Antonio Villa, da Rádio Jovem Pan, o veículo de imprensa resolveu se manifestar nesta quinta-feira (30).


Villa foi comunicado da decisão na última sexta-feira (24), logo após participação no “Jornal da Manhã”, programa do qual faz parte do time principal.

Em conversa por telefone com o site UOL, o comentarista político explicou o que aconteceu:

“Não estou de férias nem fui demitido. O que aconteceu foi o seguinte: após o ‘Jornal da Manhã’ recebi a comunicação do vice-presidente da empresa [José Carlos Pereira] dizendo que não queria os meus serviços pelos próximos 30 dias.”

Na manhã desta quinta, a Jovem Pan publicou um comunicado com a sua versão do assunto. Confira abaixo na íntegra:

Confrontado com versões e rumores envolvendo um integrante do nosso quadro de profissionais, o Grupo Jovem Pan tem a comunicar o seguinte:

Preferimos restringir ao âmbito interno da empresa discordâncias entre colaboradores e direção da empresa;

O Grupo Jovem Pan foi pioneiro na intensificação do debate político com a contratação de comentaristas com diferentes pontos de vista, que sempre se manifestaram livremente;

O apreço do Grupo Jovem Pan pelo convívio dos contrários – sem o qual não existe democracia real – é atestado diariamente pelo conteúdo da nossa programação;

O Grupo Jovem Pan jamais cedeu a pressões de governantes e nunca transformou a liberdade de expressão em moeda de troca;
Vale frisar que o atual governo federal não fez chegar ao Grupo Jovem Pan qualquer crítica ao desempenho dos nossos profissionais;



Fiel à própria história, o Grupo Jovem Pan seguirá orientado pelo amor à verdade e pelo respeito ao público, que vem homenageando esse comportamento com recordes de audiência e com a consolidação da credibilidade que merece um trabalho sério e sóbrio;

O Grupo Jovem Pan entende que esse mesmo respeito ao público impõe aos seus comentaristas limites que separam a crítica substantiva da adjetivação grosseira. Quando tal barreira é ultrapassada, cabe à direção da empresa aplicar medidas que garantam a volta à normalidade.

Com informações da jovem Pan