Notícias de Última Hora

Polícia abre processo contra a modelo que acusa Neymar

O caso ganhou grande repercussão durante a semana. (Foto: Reprodução)
A Polícia Civil de São Paulo registrou um boletim de ocorrência (BO) na manhã desta quarta-feira (12) contra a modelo Najila Trindade, que acusou o jogador Neymar de estupro.


De acordo com a Revista Istoé, ela criticou o trabalho da corporação em uma entrevista ao SBT na semana passada. Ao ser questionada pelo jornalista Roberto Cabrini sobre suposto furto do tablet, a modelo disse que “a polícia é comprada.

Segundo o documento, as declarações de Najila deixam em dúvida não só a honra da Polícia Civil como instituição, mas, sobretudo, a honra objetiva dos servidores lotados no IIRGD (Instituto de Identificação Ricardo Gumbleton Daunt), responsáveis pela coleta do material papidatiloscópico (digitais).


O Sindpesp (Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de SP) e a Adpesp (Associação dos Delegados de Polícia do Estado de SP) também repudiaram as declarações de Najila.

(Com informações Istoé)