Notícias de Última Hora

PT quer anular processo de Lula com base na reportagem do Intercept


Com base na reportagem do site The Intercept, os petistas tentam colocar Lula na rua e Moro atrás das grades.


A deputada federal Erika Kokay, presidente do PT no Distrito Federal, e o jurista Marcelo Neves iriam protocolar, nesta quarta-feira (12) às 18h, no Supremo Tribunal Federal (STF), pedido de anulação do processo de condenação do ex-presidente Lula da Silva no caso tríplex.

O pedido foi fundamentado em reportagens do The Intercept. O site alega ter obtido mensagens trocadas entre o ex-juiz Sergio Moro, atual ministro da Justiça, e integrantes da Operação Lava Jato.

Ao mesmo tempo em que o The Intercept não apresentou provas das alegações, a Polícia Federal (PF) está investigando a ação de cibercriminosos contra os celulares de Moro e de procuradores da República envolvidos com a Lava Jato.



Segundo o site Metrópoles, o Partido dos Trabalhadores (PT) sustenta que Moro e o procurador Deltan Dallagnol não negaram o conteúdo das conversas, mas apenas alegaram ilegalidade na obtenção das provas e o suposto caráter criminoso do ato de vazamento das comunicações.

Os petistas afirmam que Moro feriu o artigo 254 do Código de Processo Penal (CPP), que trata de suspeição do juiz aconselhar qualquer das partes e acrescentam que o artigo 565 do CPP torna nulo processo no qual o juiz for declarado incompetente, suspeito ou ter aceito algum tipo de suborno.

Com informações do Metrópoles