SBT BRASIL NOVO - ENTREVISTAS - SOLIMAR MACHADO NOVO SEC DA SEMMA

ENTREVISTA DE SOLIMAR MACHADO SEC. DA SEMMA Assista no YouTube: https://youtu.be/QUaizCWwpKc

Posted by TV Cidade News on Friday, August 23, 2019

Notícias de Última Hora

DJ preso pela PF diz que hacker Delgatti era ‘simpatizante do PT’

O DJ Gustavo Santos nega ter cometido golpes ou fraude. Segundo ele, Delgatti queria vender o conteúdo para o PT


Três dos suspeitos de conexão com a invasão do aplicativo Telegram do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, e de outras autoridades falaram sobre a relação com Walter Delgatti Neto.

Preso pela Polícia Federal (PF), Delgatti, conhecido como “Vermelho”, confessou ter obtido conversas de procuradores da Lava Jato e repassado ao militante Glenn Greenwald, editor e cofundador do site panfletário Intercept.

O DJ Gustavo Henrique Elias Santos, preso ao lado de sua mulher Suelen Priscila de Olivera, diz que foi hackeado por Walter e que desconhece a fonte de renda dele.

Gustavo também afirma que nunca realizou “nenhum tipo de golpes ou fraudes bancárias”.


Além de atuar como DJ, Gustavo diz que trabalha com criptomoedas e que possui várias carteiras de bitcoin, mas se reservou ao direito não informar o total à PF. Questionado sobre a senha e chaves de acesso das contas, se manteve em silêncio.

Gustavo afirma que Delgatti era “simpatizante do Partido dos Trabalhadores” e que ele disse que iria vender o conteúdo das contas do Telegram de autoridades ao partido,

Ele também afirmou que toda a movimentação de dinheiro que possui teve como origem a venda de veículos e de bitcoins, além da promoção de festas e eventos que promoveu.

O valor em espécie, de R$ 99 mil, “foi acumulado ao longo dos anos como lucro de suas aplicações”.



O DJ acrescentou que movimentou recursos no nome de Suelen e disse que ela não sabia de suas atividades comerciais ou negócios.

Suelen Priscila de Olivera, mulher de Gustavo, diz que não sabia de nada, mas confirma informações do marido.


Fonte: Renova Mídia