Notícias de Última Hora

PT quer usar CPMI das Fake News para atacar Bolsonaro

“Na última eleição, vivenciamos mentiras sendo propagadas pelos celulares, que doutrinaram as pessoas”, afirmou o senador petista Jaques Wagner


O Senado Federal inicia o segundo semestre com a previsão de instalação da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) para investigar a veiculação de “fake news”.


Apesar de o presidente da Casa, Davi Alcolumbre (DEM-AP), não ter esclarecido ainda qual será o real objetivo da CPMI, a oposição já aparenta ter um plano pronto para explorar politicamente a comissão.

Segundo a revista Exame, o senador petista Jaques Wagner (BA) já deu o tom:

“Na última eleição, vivenciamos mentiras sendo propagadas pelos celulares, que doutrinaram as pessoas. A pessoa pode ser de direita ou de esquerda, mas para propagar as suas ideias, precisa ter transparência e qualidade de informação, seja ela qual for.”


Por outro lado, o senador Izalci Lucas (PSDB-DF) advertiu sobre os perigos das notícias falsas, ao citar as campanhas contra a vacinação, com prejuízo para a saúde pública:

“Muita gente deixou de vacinar no Brasil. Saíram dizendo que vacina faz mal. Tudo isso foi muito divulgado e traz consequências sérias. Está aí o resultado: a volta do sarampo, da catapora, que é doença que a gente tinha erradicado e agora retorna por falta de vacina.”

Com informações da revista Exame