Notícias de Última Hora

Bolsonaro diz ter vetado captação de verba de alguns filmes na Ancine

“Fomos garimpar”, disse Bolsonaro sobre filmes vetados pela Ancine


O presidente da República, Jair Bolsonaro, impediu a captação financeira pela Agência Nacional do Cinema (Ancine) para alguns obras cinematográficas.

Curte nossa página no Facebook e fique informado!

Em transmissão ao vivo no Facebook, nesta quinta-feira (15), Bolsonaro declarou:

“A vida de quem quer que seja, particular, ninguém tem nada a ver com isso. Mas fazer um filme sobre negros homossexuais no DF, confesso que não dá para entender. Mais um que foi pro saco, aí.”


Entre as produções citadas por Bolsonaro, estão filmes sobre transgêneros do Ceará, negros homossexuais do Distrito Federal e ex-freiras lésbicas.



Depois de ler os nomes de algumas obras inscritas e o texto de apresentação delas, o presidente falou:

“Outro filme: ‘Afronte. Mostrando a realidade vivida por negros homossexuais no Distrito Federal’. Confesso que não entendi nada. Olha, a vida particular de quem quer que seja, ninguém tem nada a ver com isso, mas fazer um filme Afronte, mostrando a realidade vivida por negros homossexuais no DF, não dá para entender. Mais um filme que foi para o saco. Se a Ancine não tivesse, sua cabeça toda, mandato, já teria degolado todo mundo.”

Com informações do jornal Correio Braziliense