Notícias de Última Hora

Raquel Dodge rebate fake news da Folha

Dodge diz não ter sofrido qualquer pressão de qualquer tipo para determinar o afastamento de Dallagnol


A procuradora-geral da República (PGR), Raquel Dodge, afirmou não ter sofrido pressão de qualquer tipo para determinar o afastamento de Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa da Operação Lava Jato.


Dodge acrescentou que não convocou ou realizou reunião de emergência para discutir o assunto na quinta-feira, 1º de agosto, ou em qualquer data anterior ou posterior.


Em matéria publicada na manhã desta sexta-feira (2), o jornal Folha de S. Paulo afirmou que Dodge estava sendo pressionada a afastar Dallagnol e que ela teria convocado uma “reunião de emergência para discutir o assunto”.

Em mensagem publicada na rede social Twitter, além de rebater a fake news, o perfil oficial da Procuradoria-Geral da República afirmou “que o princípio constitucional da inamovibilidade é garantia pessoal do procurador Deltan Dallagnol de não ser afastado dos processos da Lava Jato, dos quais é promotor natural, na condição de titular do ofício onde tramitam os processos”.

Fonte: Renova Mídia