Notícias de Última Hora

Luciano Hang: “O Ministério Público de Balneário Camboriú quer atrasar a nossa obra”

Obra, que não parou no final de semana, foi notificada pela Polícia Militar neste sábado, 14

Reprodução
O empresário Luciano Hang, conhecido nacionalmente como “Véio da Havan”, voltou a criticar o promotor Isaac Sabbah em suas redes sociais neste sábado, 14, após a Polícia Militar notificar a obra da nova loja, que não parou no final de semana e inaugurará no dia 28. Hang alega perseguição do Ministério Público de Balneário Camboriú.

Curte nossa página no Facebook e fique informado!

“Acredite se quiser. Acabei de postar um vídeo da nossa loja em Balneário Camboriú e chega a Polícia Militar aqui, querendo nos notificar porque estamos trabalhando final de semana. Querem embargar a construção”, reclamou. “Centenas de trabalhadores estão aqui para deixar nossa obra pronta para a inauguração do dia 28. Mas o promotor, Isaac Sabbá, está perseguindo a Havan. Qual verdadeiro motivo?”, indagou o empresário.

O brusquense, que é um dos 28 homens mais ricos do Brasil segundo o ranking da Forbes, finalizou avaliando: “Que vergonha Ministério Público. Não podemos generalizar, mas tem promotores, que se acham deuses. Eles esquecem que quem está desempregado tem pressa!”



Antes dessa publicação, Luciano Hang já criticava os burocratas em outro post: “Neste ano estamos gerando 6 mil novos postos de trabalho. Até dezembro teremos 22 mil colaboradores diretos e 120 mil indiretos, mas o nosso calvário continua sendo a burocracia que nos impossibilita de andarmos mais rápido. Nesta obra, em Balneário Camboriú (SC), por exemplo, demoramos 5 anos para conseguir o alvará de construção e levamos apenas 4 meses para construir esta linda loja de 17 mil metros quadrados. Imagine quantos empregos a mais iríamos gerar sem tanta burocracia. Você acha isso normal? E você também sofre com os burocratas?”



Fonte: Click Camboriú