Notícias de Última Hora

Bolsonaro transforma Embratur em agência de turismo

O objetivo do governo com a mudança é que 12 milhões de turistas estrangeiros visitem o território brasileiro em 2022


O presidente da República, Jair Bolsonaro, extinguiu a Embratur em seu formato atual de autarquia, instituindo em seu lugar uma agência de mesmo nome, a Embratur — Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo.

Curte nossa página no Facebook e fique informado!

A decisão foi confirmada em Medida Provisória (MP) publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta quarta-feira (27).

O governo pretende ganhar musculatura para melhorar a imagem do Brasil no exterior, iniciativa que chega num ano marcado por reveses nesse sentido, ligados, por exemplo, à histeria ambiental provocada pelas tradicionais queimadas na Amazônia.



Na visão do governo, a mudança de formato da Embratur também pode abrir as portas para parcerias com o setor privado.

O objetivo do governo é que 12 milhões de turistas estrangeiros visitem o território brasileiro em 2022, ante 6,5 milhões em 2018, com a receita por eles gerada passando de US$ 6,5 bilhões a US$ 19 bilhões no mesmo período.


Com informações da revista Veja