Notícias de Última Hora

Karol Eller, ligada a Bolsonaro, é brutalmente agredida na Barra da Tijuca

Karol é assumidamente lésbica e apoiou Jair Bolsonaro nas eleições de 2018


Reprodução | Jornal de Brasília
Karol Eller, youtuber que ficou conhecida por apoiar abertamente Jair Bolsonaro nas eleições 2018, foi brutalmente agredida por um homem ainda não identificado. O caso aconteceu na praia da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro.

A informação foi veiculada com exclusividade pelo colunista Leo Dias.

Ela relata que estava em um quiosque na praia da Barra da Tijuca, acompanhada de sua namorada, quando de repente foi abordada por um homem. Karol afirma que o indivíduo já de chegou de forma inteiramente violenta, e disse as seguintes palavras:

“Como é que você consegue namorar um mulherão desses hein?”, disse.

Em seguida, Karol Eller diz que foi atacada a socos e pontapés.

O agressor foi embora do local após o crime.

Caídas no chão, ela e a namorada foram se arrastando até um quartal do Corpo de Bombeiros, que ficava próximo do local.

Karol foi socorrida e levada ao Hospital. Lá fez exames e segue por observação por cerca de três dias.



Pedido de Karol

A equipe do site Conexão Política entrou em contato com ela na manhã desta terça-feira (17).

Ainda com muita dificuldade para falar, Karol disse que está sendo muito difícil compreender tudo o que aconteceu.

“O que vocês puderem fazer para viralizar isso [enquanto chorava]. Foi uma covardia, velho”.

Ela relata alguns dos procedimentos que foi submetida no Hospital,

“Eu fiz tomografia e outros exames. O médico me proibiu de até ficar no telefone por alguns dias”, relatou.


Fonte: Conexão Política