Notícias de Última Hora

'Mulher que geme alto no sexo deve ser presa', diz advogado e candidato a presidente

As declarações do profissional gerou polêmicas e dividiu opiniões na web

Reprodução
Segundo uma reportagem publicada pelo site My Joy Online, as declarações de um advogado estão causando uma grande controvérsia em Gana, após afirmar que uma mulher que geme muito alto durante as relações sexuais está cometendo um crime e tem que ser presa.

O homem foi identificado como Maurice Ampaw, morador da cidade de Acra. Ele é um advogado famoso e tem planos de ser o presidente do país em 2024. De acordo com o jornal, o advogado diz que gemer durante o sexo viola os direitos dos outros e deve ser interrompido imediatamente.

“Se você está fazendo sexo alto, eu não consigo dormir. Em uma casa composta, eles estão tendo relações sexuais com você e todos não podem dormir. Logo, você está infringindo meus direitos à privacidade e está cometendo um crime, porque está cometendo o que chamamos de incômodo sexual. Tudo o que faz barulho, tudo o que o deixa desconfortável, é um incômodo”, disse Ampaw.

Segundo ele, pode-se ouvir ao passar pela rua algumas jovens, quando estão em momentos íntimos com seus parceiros, gemendo e gritando. Maurice relatou ainda que os piores são os homens, pois, quando estão tendo relações, gritam muito alto e não conseguem se controlar.

“Você deve ter autocontrole. Quando os animais estão fazendo sexo, você os ouve gemendo assim”, disse Maurice.

O advogado relatou que, um certo dia, ele tinha alugado um quarto de hotel e não conseguiu dormir por causa do barulho proveniente de um casal que também hospedou-se no local.

“Depois que eu terminei com um árduo dia de trabalho às 7 horas, cheguei ao meu quarto e esse cara e essa garota vieram para a cidade para descansar. Eu estava deitado, antes de eu perceber, a cama [deles] estava fazendo barulho. Depois que acordei, não consegui dormir e a garota estava gemendo alto “, disse o advogado.

“Se você está gostando, aproveite, mas não venha e infrinja [meus direitos]. Precisamos parar isso”, concluiu. Os comentários feitos por Ampaw logo se tornaram virais nas redes sociais em Gana, e está dividido opiniões entre internautas. Ele é um polêmico advogado na localidade e no começo deste mês, em outra entrevista para ao Joy Online, afirmou que ele está se preparando para sair como candidato a presidente de Gana em 2024.

De acordo com Maurice, sua campanha se concentrará em ajudar os pobres nas áreas rurais e resolver o problema das pessoas em todo o país. Ele acredita que será o primeiro candidato independente a ganhar uma eleição no Gana, e promete ainda que sua administração será verdadeira, que cumprirá com suas promessas de campanha.

Com informações Nação Jurídica