Notícias de Última Hora

Netflix entra na mira dos muçulmanos por causa da série Messiah

No final de dezembro o especial de Natal do Porta dos Fundos exibido pela Netflix irritou a maioria dos cristãos

Messiah Netflix (Reprodução)
Depois de irritar os cristãos com especial de Natal do Porta dos Fundos, a Netflix fica na mira dos muçulmanos por causa da série Mesiah, que estreou na plataforma de streaming na última quarta-feira (1).

A série foi produzida pelo casal cristão Mark Burnett e Roma Downey , que também assinam a produção da minissérie A Bíblia.




Messiah conta a história de um homem que surge em meio ao conflito no Oriente Médio, e através de sua mensagem e supostos milagres atrai a atenção do mundo.

Al Massih, personagem principal, é interpretado por Mehdi Dehbi, que na série faz com que muitas pessoas acreditem que ele é o próprio Jesus, e que essa é a sua segunda vinda. Entretanto, a agente da CIA, Eva Geller (Michelle Monaghan), acredita se tratar de um impostor.

Após da exibição da sinopse, uma comissão sobre cinema da Jordânia, país extremamente muçulmano, pediu para que a Netflix retirasse a série da plataforma. Segundo eles o “conteúdo da série pode ser amplamente percebido ou interpretado como uma violação da santidade da religião”.




No site Changes.org, várias petição on line pedem o banimento da série. Mais de 4.100 assinaturas já foram coletadas em uma das petições que pede 5.000 assinaturas.

Fonte: O Fuxico Gospel