Notícias de Última Hora

Polícia neutraliza narcotraficante do México que ostentava nas redes


Maria Guadalupe, 21 anos, gostava de ostentar nas redes sociais com armas e dinheiro


Uma liderança do tráfico de drogas foi morta, na última sexta-feira (10), durante confronto com policiais federais do México no estado de Michoacán. 

Maria Guadalupe López Esquivel, conhecida como “La Catrina”, de 21 anos, defendia o Cartel de Jalisco Nova Geração e gostava de ostentar nas redes sociais com dólares e armas feitas com ouro.

Em outubro do ano passado, a narcotraficante foi apontada como responsável por uma emboscada contra forças de segurança. 13 agentes morreram e 9 se feriram na operação.



“La Catrina” foi baleada no pescoço pelos agentes da PF. A criminosa morreu no hospital horas depois, ainda segundo a reportagem do jornal local.

Com informações do jornal El Universal