Notícias de Última Hora

Vítima morta pelo "Maníaco de Marituba" era sobrinha de Éder Mauro

Reprodução
Uma das vítimas do chamado "Maníaco de Marituba", Samara Mescouto foi encontrada morta atrás do terreno em que morava um dos acusados, preso no começo da noite deste domingo (12). Ela era sobrinha do deputado federal Delegado Éder Mauro, que esteve no local e concedeu uma entrevista exclusiva ao repórter Denilson D'Almeida, do Diário do Pará.


O delegado Éder Mauro ainda divulgou uma nota pública afirmando que solidariza com os parentes e amigos de todas as vítimas" e que a própria família está em luto pela morte de Samara Mescouto, 20 anos, encontrada atrás do terreno em que morava o preso. "Samara foi adotada, aos 3 anos, pela mãe de Éder Mauro, Maria Trindade Cardoso, com quem morou até os 16 anos de idade, quando foi morar com a mãe biológica, que também foi criada pela matriarca da família Cardoso Barra", afirma a nota.

Fonte: DOL