Notícias de Última Hora

Agência Espacial Europeia lança sonda para estudar o Sol

Astrônomos europeus esperam que a sonda consiga revelar alguns segredos obscuros de nossa estrela


A Agência Espacial Europeia (ESA) concluiu com sucesso, no último domingo (9), o lançamento de sua sonda Solar Orbiter (SolO) na Flórida, nos Estados Unidos.

Enviado ao espaço pelo foguete Atlas 5, a sonda levará dois anos para entrar na órbita do Sol, onde começará a fotografá-lo.


A missão, que também conta com a participação da NASA, tem custo avaliado em 1,5 bilhão de euros. 

Nos próximos sete anos, a sonda vai estudar o Sol de perto, incluindo seus pólos – que nunca foram observados diretamente por astrônomos.



Astrônomos acreditam que os pólos do Sol podem esconder algumas respostas importantes sobre o campo magnético e o vento solares.

Os sensores da nave vão recolher informações sobre o campo magnético do Sol e sobre o vento solar e suas partículas através do contato direto com a nave. Já os outros quatro equipamentos foram desenvolvidos para coletar informações à distâncias.

As informações são da revista Super Interessante