Notícias de Última Hora

Cientistas do Brasil e de Oxford sequenciam código genético do coronavírus

O genoma do vírus 2019 n-CoV do primeiro caso confirmado da doença em São Paulo foi sequenciado por pesquisadores do Brasil e da Universidade de Oxford.


Estrutura do coronavírus 2019 n-CoV — Imagem: Amanda Georgia
De acordo com a Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo), esse tipo de trabalho geralmente é realizado em 15 dias, mas foi realizado em apenas 2 dias.

O secretário nacional de vigilância em Saúde, Wanderson de Oliveira, afirmou: “É uma velocidade incrível. Da mesma maneira como a Itália fez lá recentemente e publicaram. Isso ajuda no desenvolvimento de testes de diagnóstico, ajuda em uma série de outros desenvolvimentos tecnológicos, tem um peso muito importante”.



A análise genética do RNA de um vírus é fundamental para o desenvolvimento de vacinas e para a criação de teste diagnósticos, além de ser importante para compreensão da dispersão e detecção de mutações que possam alterar a evolução da doença.

Por Marcos Rocha