Notícias de Última Hora

Bolsonaro denuncia ‘ataque frontal’ de Maia

“Maia me chamou de irresponsável, fez um ataque frontal. Nunca tratei ele dessa maneira”, denuncia Bolsonaro


O presidente da República, Jair Bolsonaro, reagiu enfaticamente, nesta segunda-feira (16), às críticas feitas pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Maia classificou a participação de Bolsonaro em ato pró-governo no domingo (15) como um “atentado à saúde pública”.


Durante entrevista à Rádio Bandeirantes, Bolsonaro lembrou que Maia participou de festa de inauguração da CNN Brasil, no Parque do Ibirapuera, em São Paulo, com a presença de 1,3 mil pessoas:

“Maia me chamou de irresponsável, fez um ataque frontal. Nunca tratei ele dessa maneira. É um jogo. Desgastar, desgastar, desgastar. Tem gente que está em campanha até hoje para 2022, dando pancada em mim o tempo todo.”


E acrescentou:

“O [ministro da Saúde, Luiz Henrique] Mandetta esteve em São Paulo com o governador Doria e depois que terminou a entrevista o [governador João] Doria começa a descer o cacete no governo. A elite política se reuniu em 1,3 mil pessoas na oca do Parque Ibirapuera e eu não posso chegar perto das pessoas na rua.”

Com informações do UOL