Notícias de Última Hora

Governo não gosta de falar a palavra acordo, diz Maia

“Não tem acordo, o governo não gosta de falar a palavra acordo”, diz o presidente da Câmara


Rodrigo Maia (DEM-RJ), presidente da Câmara dos Deputados, seguiu demonstrando incômodo, nesta quarta-feira (11), com a postura do governo Jair Bolsonaro.

Maia alfinetou o Palácio do Planalto ao comentar a liberação de recursos para conter o coronavírus no Brasil:


“Não tem acordo, o governo não gosta de falar a palavra acordo… O que tem é que foi colocada a nossa intenção de colaborar com este momento, não é apenas discutir recursos, é discutir medidas em conjunto do governo com o Congresso Nacional.”


Mais cedo, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, agradeceu Maia por convencer os líderes a liberar R$ 5 bilhões, via emendas feitas ao Orçamento, para o enfrentamento da pandemia.

O valor é parte dos cerca de R$ 15 bilhões que serão indicados pelo relator do Orçamento, deputado Domingos Neto (PSD-CE).


Com informações do site UOL