Notícias de Última Hora

Pondé crítica alarmismo da imprensa sobre coronavírus: “Não é nenhuma peste negra, temos que combater a paranoia" (veja o vídeo)


O filósofo e escritor Luiz Felipe Pondé, tratou de acalmar a população sobre o coronavírus e, com conhecimento e exatidão, classificou o grande barulho feito pela grande mídia como “paranóia”.

Durante o Jornal da Cultura, da TV Cultura, o escritor teceu críticas a extrema imprensa.

Segundo Pondé, a imprensa está se prendendo a noticiar fatos negativos, como o número de infectados e mortes no mundo todo, enquanto poderia estar fazendo um noticiário mais profissional, com expectativas positivas e mostrando que as pessoas estão se curando da doença.

“Não é nenhuma peste negra”, disse Pondé.


Para Pondé, os veículos de informação tem que passar a noção de que “o mundo não está acabado”.

“O primeiro passo é combater a paranoia. [...]A paranoia vai levar as pessoas a gastar máscaras demais, a encher hospital, e o que acontece? Não podem atender os idosos que têm mais riscos de vida, não podem atender pacientes com quadros cardiopatas que correm risco de vida, você não pode atender gente que tá morrendo de dengue, você não pode atender gente que tá morrendo do coração, que é o que mais se mata”, disparou Luiz Felipe Pondé.

Confira:


Pondé: temos que parar com essa paranóia.
Posted by Eduardo Bolsonaro on Tuesday, March 17, 2020

Fonte: Jornal da Cidade