Notícias de Última Hora

Brasil busca importação do princípio ativo da cloroquina

Governo deixou estoque para reservar uso da cloroquina para quem é tratado de malária — principal uso do medicamento


A secretária de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde, Mayra Pinheiro, afirmou, nesta quarta-feira (20), que o Brasil está em contato com outras nações para importar o princípio ativo da hidroxicloroquina, que está em falta no país.

A secretaria de Mayra faz parte do Ministério da Saúde, que divulgou novo protocolo ampliando a recomendação do uso do medicamento contra a infecção por coronavírus.

Ao todo, de acordo com dados da pasta, 2,39 milhões de comprimidos de cloroquina já foram entregues aos Estados. Ainda há mais 1,4 milhão de doses no estoque do governo.



Mayra Pinheiro ressaltou que o ministério “teve o cuidado” de deixar estoque para reservar uso da cloroquina para quem é tratado de malária — o uso principal do medicamento.

No início de abril, o presidente da República, Jair Bolsonaro, afirmou que pediu apoio do primeiro-ministro Narendra Modi, da Índia, para a continuidade do fornecimento de insumos farmacêuticos para a produção da hidroxicloroquina.

Com informações do Money Times³