Notícias de Última Hora

R$ 500 mil para quem conseguir hackear sistema da Microsoft

Microsoft está investindo alto na segurança de aparelhos baseados na internet das coisas


A empresa Microsoft vai pagar até US$ 100 mil — mais de R$ 500 mil — para quem conseguir quebrar a segurança do novo sistema operacional Azure Sphere.

O sistema é baseado em Linux e voltado para chips de sistemas em Internet das Coisas (IoT).



Em um comunicado oficial, a Microsoft informou que o programa de caça a falhas de segurança acontecerá entre 1º de junho a 31 de agosto e terá cenários predefinidos de invasão.

Sylvie Liu, gerente de programa de segurança da Microsoft, informou:

“Vamos premiar com até US$ 100 mil pela busca em cenários específicos no Azure Sphere Security Research Challenge durante este período.”


Embora seja um sistema que utiliza elementos da nuvem da Microsoft, o programa de caça aos bugs não vai abordar esta área.

Ao invés disso, o objetivo da Microsoft é buscar falhas de segurança relativas especificamente à personalização do Linux. Ainda, tentativas físicas de ataque também estão fora do escopo do programa.

Com informações do site Yahoo!