Notícias de Última Hora

Sikêra Jr. tem contrato sigiloso, vira pavor em emissora de TV e volta é anunciada após doença mortal: “Pressão”

O apresentador Sikêra Jr. tem contrato sigiloso e volta decretada após contrair o Covid-19

Sikêra Jr. deve voltar ao programa dele na RedeTV (Foto montagem)
O apresentador Sikêra Jr. que comanda o Alerta Nacional na RedeTV! vinha fazendo um sucesso estrondoso a frente do programa. No entanto, ele acabou contraindo coronavírus e precisou se afastar da atração.

Diante desta situação, o programa de Sikêra Jr. que vinha explodindo na audiência e se aproximando de Datena e o seu Brasil Urgente na Band, começou a perder força e deixou a emissora menos competitiva.


Diante de toda essas situações, segundo a assessoria de imprensa do apresentador, a volta de Sikêra Jr. pode acontecer ainda essa semana. Quase 100% recuperado do coronavírus, ele deve regressar ao programa para alegria dos fãs e do terror de outros canais de TV.

Segundo o mesmo site, nos corredores da Band, existe funcionários que afirmam que com a volta de Sikêra Jr. o clima de tensão e pressão deve tomar conta de Datena e do Brasil Urgente, que apesar de consolidado, começou a ver seu posto ameaçado pelo avanço da RedeTV no horário.

Sikêra no Alerta Nacional (Foto: Reprodução)
Hoje, cabe dizer, que dar audiência na RedeTV! é extremamente necessário para Sikêra Junior. É que além dos números serem importantes para qualquer programa seguir no ar na TV, o jornalista tem um contrato diferente com uma clausula um tanto sigilosa.


Isso mesmo, segundo o que foi apurado, Sikêra Jr. tem um um trecho no contrato com a RedeTV que deixa claro, que quanto mais audiência ele trouxer para o canal, mais dinheiro ele ganhará no fim do mês.


BEM SUCEDIDO

Cabe dizer que Sikêra Jr. com a explosão de audiência e sucesso, também começou a melhorar a vida financeira. Morando em Manaus, de onde transmite o programa dele, o apresentador começou a melhorar de vida.

O jornalista destaca que comprou sua primeira casa e chegou a adquirir 10 carros em um único mês para a família.

Com informações do site TV O Foco