Notícias de Última Hora

Pasta de Damares rebate declarações de Bia Doria: “É correto sim dar marmita às pessoas em situação de rua”

Ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves Foto: Carolina Antunes/PR
Após as polêmicas declarações da primeira-dama de São Pualo, Bia Doria, em que fez críticas à doação de alimentos a cidadãos que encontram-se em situações de rua, o Ministério da da Família, Mulher e Direitos Humanos, comandado pela pastora Damares Alves, fez questão de rebater as declarações.


Em entrevista à Val Marchiori, Bia Doria havia dito que “não era certo doar marmitas para pessoas em condições de rua”, além de também afirmar que “a rua era um atrativo”.

Após a fala da primeira-dama paulista, a pasta chefiada por Damares emitiu uma nota rebatendo as afirmações feitas e defendendo a prática de caridade à pessoas que mais precisam. Na nota, a pasta diz que “é correto sim dar marmitas à moradores de rua”.

“A primeira ação que precisamos pensar (não a única) é dar a essas pessoas o que comer. É correto sim dar marmitas às pessoas em situação de rua! E ainda abrigo, moradia, dignidade” salientou.


O ministério também destacou que é necessário um plano concreto e estratégico para que esses cidadãos possam ser removidos desta situação triste e deixarem de residirem nas ruas.

“A população em situação de rua precisa de políticas públicas bem definidas. Essa condição que desnuda o ser humano das sua dignidade precisa ser enfrentada com projetos que efetivamente promovam a saída da situação de rua”

Com a informação: Pleno News