Notícias de Última Hora

Após ser ofendido por Lula, ministro Salles sobe o o tom e rebate: “Quem está condenado por corrupção e estava preso até ontem é Lula”


O ministro do Meio Ambiente do Governo Bolsonaro, Ricardo Salles, em entrevista concedida ao canal CNN Brasil, rebateu a declaração de Lula que o o acusou de ser “sem caráter” ao comentar acerca dos incêndios no Pantanal e na Amazônia.

“Quem está condenado por corrupção e estava preso até ontem é o ex-presidente Lula. Quem roubou o Brasil e com isso nós ficamos sem dinheiro para investir tanto na infraestrutura quanto nas equipes, lembrando que foi no governo dele e do poste dele, a presidente Dilma, que nos legou uma estrutura completamente desmontada quer seja pela falta de competência, corrupção ou pela falta de caráter que esse grupo que dominava o governo nos deixou”, rebateu o ministro.


O ministro ainda foi indagado a respeito do comentário do ex-presidente que em uma publicação através de suas redes sociais, proferiu críticas ao atual governo em relação as queimadas.

“Por que nossas Forças Armadas não estão com um grande contingente no Pantanal e na Amazônia para tentar combater os incêndios? Eles desmontaram todos os mecanismos de prevenção a incêndios. Esse ministro do Meio Ambiente é um cidadão sem caráter e sem respeito pela natureza”, escreveu Lula.

Salles, por sua vez, respondeu que o governo não vem poupando esforços para que o problema das queimadas seja logo resolvido.

Com a informação: UOL